CPA - COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO

A Avaliação faz-se necessária não só no processo educativo, mas em todo espaço institucional. Para tanto, a Faculdade Batista Brasileira conta com uma comissão – Comissão Própria de Avaliação (CPA), que promove ações com vistas a excelência, atendendo a determinação legal definida pela Lei 10.861/2004, que institui o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – SINAES, objetivando o desenvolvimento da cultura avaliativa em nossa instituição, contribuindo para o fortalecimento de sua gestão, reafirmando seu compromisso  com uma educação transformadora.

A CPA é coordenada por um representante nomeado pelo Diretor Geral da IES, tendo a comissão  atuação autônoma em relação a conselhos e demais órgãos colegiados existentes na instituição de educação superior.

São atribuições da Comissão Própria de Avaliação:

  • Planejar as estratégias de avaliação considerando as características da FBB, a partir de seu modelo institucional, sua missão e realidade, bem como as experiências anteriores de avaliação institucional realizada, estimulando o desenvolvimento da qualidade acadêmica e científica em todos os campos do conhecimento.
  • Efetuar a Avaliação Institucional da Faculdade, em articulação com as coordenações de curso.
  • Efetuar Avaliação da Organização Didático-Pedagógica ( isto é, da administração acadêmica, projeto pedagógico do curso e atividades acadêmicas articuladas no ensino de graduação).
  • Efetuar a avaliação do Corpo Docente e Técnico – Administrativo (formação acadêmica e profissional, condições de trabalho e atuação ou desempenho acadêmico e profissional).
  • Efetuar a avaliação de cursos de graduação e pós- graduação
  • Efetuar a avaliação das instalações gerais, bibliotecas e laboratórios específicos.

A Avaliação Institucional da FBB envolve toda a comunidade acadêmica e adota uma metodologia participativa, buscando trazer para o âmbito das discurssões as opiniões dos sujeitos envolvidos no processo, de maneira articulada. Ocorre durante a gestão acadêmica e administrativa da IES.

A Operacionalização do processo de avaliação e auto avaliação contempla o tratamento das informações oriundas da comunidade interna e externa, favorecendo a convergência dos dados em torno dos objetivos comuns, bem como a busca compartilhada de soluções para os problemas apresentados.

As políticas de acompanhamento e de avaliação das atividades afins, ou seja, ensino, pesquisa e extensão, além das atividades–meio, caracterizadas pelo planejamento e gestão da IES, abrangem toda comunidade acadêmica, articulando diferentes perspectivas. Estas ações propiciam um melhor entendimento da realidade institucional.

O Processo de auto avaliação conta com a participação de uma comissão designada para planejar, organizar, refletir e cuidar dos interesses de toda comunidade, com a participação e envolvimento de toda comunidade acadêmica interna, com o apoio da mantenedora da IES.

Fazem parte da nossa CPA representantes do corpo docente, discente, técnico administrativo e comunidade externa, abaixo relacionados:

  • Fernando Antônio Nogueira Miranda – Corpo Docente / Coordenador
  • Tatiane Barreto Portela – Corpo Téc. Administrativo
  • Samuel Cerqueira Borges – Corpo Téc. Administrativo
  • Denivaldo Santos Assis – Corpo Discente
  • Karine Costa Oliveira de Azevedo – Corpo Discente
  • Rosemary Santos Costa – Comunidade Externa